Liturgia diária
Evangelho: Confira as leituras da Liturgia da Palavra
Santo: Conheça a história de fé do Santo celebrado pela Igreja
Pastorais e movimentos
Pastoral da CatequesePastoral da Catequese
Palavra do cardeal › 12/09/2019

Mês missionário extraordinário

Em 2019, comemora-se o centenário da Carta Apostólica “Maximum illud” (1919), do Papa Bento XV, sobre “a grande e sublime missão da Igreja”, que se prolonga até o fim dos tempos. Com essa Carta Apostólica, Bento XV lançou um forte apelo à renovação missionária da Igreja, sobretudo em vista da evangelização “de toda criatura”, conforme o mandato de Cristo aos apóstolos antes de se elevar ao céu (cf. Mc 16,15). Para comemorar esse centenário, o Papa Francisco pediu que a Igreja no mundo inteiro promova em outubro de 2019 um “mês missionário extraordinário”.

A Arquidiocese de São Paulo também vai acolher esse apelo do Papa Francisco. Antes de tudo, somos gratos pelo dom precioso da fé católica e da pertença à Igreja de Cristo. A “alegria do Evangelho”, que nos foi transmitida, é um grande tesouro para nós e não o queremos esconder, nem conservar apenas para nós mesmos. Muito menos ainda queremos deixar que se esfrie ou se apague o testemunho da fé cristã em nosso tempo e em nossa cidade.

Pelo sínodo arquidiocesano, buscamos uma urgente “conversão e renovação missionária” da nossa Igreja em São Paulo. Não podemos continuar apenas com uma “pastoral de manutenção e de conservação”, muitas vezes feita de forma rotineira ou burocrática, sem fervor nem vitalidade. A Igreja renova-se e ganha novo dinamismo na medida em que ela se renova na missão.

A promoção do “mês missionário extraordinário”, em outubro de 2019, combina bem com o caminhar do nosso sínodo, e vai contribuir, certamente, para o alcance de seus objetivos. É pedido do Papa que no “mês missionário extraordinário” se façam também coisas “extraordinárias” nas dioceses de todo o mundo. Portanto, também em nossa Arquidiocese todas as paróquias e suas comunidades, com a variedade de suas organizações eclesiais e pastorais, estão convocadas a realizar o “mês missionário extraordinário” como parte das ações do sínodo arquidiocesano em 2019.

Muitas ações podem ser promovidas como resposta aos desafios, lacunas e urgências na evangelização, já constatadas pela pesquisa de campo, de 2018, sobre a situação religiosa e pastoral da nossa Igreja em São Paulo. Há muito desejo de receber visitas missionárias; há carência de verdadeira acolhida e escuta das pessoas; necessidade de oração com as pessoas e de lhes falar de Deus, da Igreja e de suas ações. Há carência de maior atenção aos doentes nos hospitais e nas casas, aos idosos que vivem sós, às pessoas angustiadas e necessitadas de uma palavra boa nas situações de dor, luto e aflição. São urgentes os gestos concretos de humanidade e de misericórdia em relação às pessoas “descartadas” da sociedade e do sistema econômico. É preciso ir ao encontro dos pobres em todas as suas necessidades, tomando iniciativas concretas para socorrê-los.

Muitas coisas podem ser feitas durante o próximo mês de outubro para que ele seja realmente um “mês missionário extraordinário”. É importante planejar e organizar antes, para haver uma variedade de iniciativas envolvendo os diversos grupos e organizações paroquiais.

Seria ideal que se reunissem os Conselhos Paroquiais de Pastoral para organizar e planejar tudo. Não se deve esperar que alguém “de fora” faça isso. O Secretariado Arquidiocesano de Pastoral, por meio do Conselho Missionário Arquidiocesano (Comiar), já ofereceu às paróquias e organizações pastorais uma lista com abundantes indicações. Agora é fazer acontecer.

 

Cardeal Odilo Pedro Scherer
Arcebispo Metropolitano de São Paulo
Publicado em O SÃO PAULO, na edição de 11/09/2019




Onde estamos
Largo Santa Angela, 22 - Vila Moraes São Paulo, SP (saiba como chegar)
Horários de Missas

Paróquia Santa Ângela e São Serapião

Segunda-feira, às 15h, Missa pelas almas;
Terça e Quinta-feira, às 19h30;
Sábado, às 16h;
Domingo, às 7h, 10h e 18h;

Toda primeira segunda-feira do mês, às 20h, Missa dos homens;
Toda primeira quinta-feira do mês, às 15h, Missa da saúde;
Toda primeira sexta-feira do mês, às 5h30, Missa do Sagrado Coração;
Toda última quinta-feira do mês, às 17h30, Adoração e às 20h, Missa da família.

Comunidade Imaculada Conceição

Quarta-feira, às 19h30;
Domingo, às 8h30.

Siga-nos