Highslide for Wordpress Plugin
Liturgia diária
Evangelho: 2ª Semana Comum
Santo: São Sebastião
Pastorais e movimentos
Pastoral da CatequesePastoral da Catequese
Mensagem do pároco › 04/11/2013

Santidade: Caminho Exigente e Possível!

Queridos irmãos e irmãs;

Graça e Paz!

Todo o ano ao participarmos da liturgia da Missa na Solenidade de todos os Santos rezamos como Igreja que estes são nossos amigos e nossos exemplos de vida. E é sobre ser exemplo de vida que gostaria de lhes escrever uma breve palavra.

A Igreja em todos os tempos sempre afirmou que os santos são nossos exemplos de vida. O que significa esta afirmação?  Penso que por esta afirmação a Igreja nos convida a lançar nosso olhar para a história destes homens e mulheres; para o exemplo luminoso de suas vidas e permitirmos que Deus desperte em nós o desejo de caminharmos pelo mesmo caminho trilhado por eles, de nos tornarmos felizes por vivermos na grande família dos amigos de Deus, descobrindo que a santidade não implica na realização de nada de extraordinário nem no possuir atributos ou carismas excepcionais, mas sim na capacidade e no desejo efetivo de ouvir Jesus e segui-lo sem desanimar nas dificuldades.

Dificuldade, palavra que caminha muito próxima de santidade. A experiência da Igreja demonstra que cada forma de santidade, embora siga diferentes percursos, passa sempre pelo caminho da cruz, pelo caminho da renúncia a si mesmo. As biografias dos santos descrevem homens e mulheres que, dóceis aos desígnios divinos, enfrentaram por vezes provações e sofrimentos indescritíveis, perseguições e o martírio. Perseveraram no seu compromisso, “vêm da grande tribulação… lavaram as suas túnicas e branquearam-nas no sangue do Cordeiro” (Ap 7, 14). Os seus nomes estão inscritos no livro da Vida (cf. Ap 20, 12); a sua morada eterna é o Paraíso. O exemplo dos santos constitui para nós um encorajamento a seguir os mesmos passos, a experimentar a alegria daqueles que confiam em Deus, porque a única verdadeira causa de tristeza e de infelicidade para o homem é o fato de viver longe de Deus.

Assim compreendermos que a santidade é fruto de um esforço constante, um superar as próprias limitações, mas devemos acreditar ser possível, pois uma verdade fundamental nos consola e fortalece: A santidade é fruto também do nosso esforço,  mas em grande parte não depende  de nós e sim de Deus, pois a santidade não é uma obra puramente humana é um dom de Deus, àquele que é três vezes Santo (cf. Is 6, 3).

Confiemos então nossa vida a intercessão de todos os santos, na certeza de sua amizade e intercessão e sobretudo firmemos nossos passos nos mesmos caminhos trilhados por eles, o caminho do Evangelho de Jesus Cristo.

Pe. Everton Fernandes Moraes – Pároco. 


Onde estamos
Largo Santa Angela, 22 - Vila Moraes São Paulo, SP (saiba como chegar)
Horários de Missas

Paróquia Santa Ângela e São Serapião

Segunda-feira, às 15h, Missa pelas almas;
Terça e Quinta-feira, às 19h30;
Sábado, às 16h;
Domingo, às 7h, 10h e 18h;

Toda primeira segunda-feira do mês, às 20h, Missa dos homens;
Toda primeira quinta-feira do mês, às 15h, Missa da saúde;
Toda primeira sexta-feira do mês, às 5h30, Missa do Sagrado Coração;
Toda última quinta-feira do mês, às 17h30, Adoração e às 20h, Missa da família.

Comunidade Imaculada Conceição

Quarta-feira, às 19h30;
Domingo, às 8h30.

Siga-nos